A Associação Médica Brasileira é uma sociedade sem fins lucrativos, fundada em 26 de janeiro de 1951, cuja missão é defender a dignidade profissional do médico e a assistência de qualidade à saúde da população brasileira. A entidade, presidida atualmente por Florentino de Araújo Cardoso Filho, possui 27 Associações Médicas Estaduais e 396 Associações Regionais. Compõem o seu Conselho Científico 53 Sociedades Médicas que representam as especialidades reconhecidas no Brasil.

A AMB tem por finalidade:

I. Congregar os médicos do país e suas entidades representativas com o objetivo de defesa geral da categoria no terreno científico, ético, social, econômico e cultural;

II. Contribuir para elaboração da política de saúde e aperfeiçoamento do sistema médico assistencial do país;

III. Orientar a população quanto aos problemas da assistência médica, preservação e recuperação da saúde;

IV. Conceder título de especialista, de conformidade com o disposto neste Estatuto e no regulamento próprio;

V. Defender, em juízo ou fora dele, os interesses de seus filiados, desde que tais interesses possam ser caracterizados como coletivos ou difusos e possam acarretar benefícios diretos ou indiretos, para a classe médica, como um todo;

VI. Elaborar, atualizar, divulgar e recomendar a classificação de procedimentos médicos para prestação de serviços médicos;

VII. Fomentar o ensino médico continuado;

VIII. Promover planos securitários e previdenciários para os associados;

IX. Contribuir para controle de qualidade das faculdades de medicina;

X. Contribuir para o estabelecimento de critérios para criação de escolas médicas no país;

XI. Promover campanhas de cunho social que visem prevenir, preservar e recuperar a saúde da população.

Para saber mais, clique aqui.